Espanha nomeia primeira mulher como técnica da seleção feminina

Pela primeira vez na história, a seleção feminina de futebol da Espanha será comandada por uma técnica mulher, a treinadora Montse Tome, de 41 anos. Ela foi nomeada nesta terça-feira (5) pela Federação Espanhola de Futebol (RFEF), poucas horas após a entidade anunciar a demissão do técnico Jorge Vilda, campeão do mundo com equipe feminina na Copa da Austrália e Nova Zelândia no último mês.

Segundo nota oficial da RFEF, Tomé  atua, desde 2018, como técnica-assistente Vilda “ e se consolidou como peça fundamental no crescimento da seleção nacional”. 

A rescisão do contrato de Jorge Vilda nesta manhã, foi realizada pelo recém-empossado Pedro Rocha, que assumiu a presidência da RFEF, após a Fifa suspender o ex-dirigente Luis Rubiales, punido após beijar na boca sem consentimento a jogadora Jenni Hermoso, durante a cerimônia de premiação da seleção espanhola, campeã da Copa do Mundo Feminina.  

O primeiro compromisso oficial de Montse Tomé à frente da seleção espanhola será na Liga das Nações Feminina da Uefa. No dia 22 de setembro a Espanha enfrenta a Suécia, e quatro dias depois encara a Suíça.

, Agência Brasil

Fonte: Agencia Brasil